Wulcan | Agência de Marketing Digital

Logo - Agência de Marketing Digital Wulcan

Aprenda como gerar tráfego para o seu site com 6 estratégias básicas de Marketing Digital

Gerar tráfego para o site da empresa

O tráfego para o site é fundamental para que você tenha ainda mais destaque no meio digital, gere mais leads para o negócio e aumente as chances de concretizar as vendas. Mas para aumentar o tráfego do site, a tarefa requer alguns cuidados para atrair a atenção do leitor. Dentre os principais, criar conteúdo de qualidade é essencial. E nós vamos explicar o porquê.

Vamos, agora, dar uma olhada em 6 excelentes dicas para gerar tráfego para o site que poderão ajudá-lo a alcançar esta meta.

1. Conteúdo de qualidade para os motores de busca, como o Google

As técnicas de SEO certamente são eficazes quando existe a necessidade de tráfego orgânico e gratuito. Parte dessa técnica consiste no uso adequado da palavra-chave foco e um estudo profundo sobre as palavras-chave que mais são utilizadas pelo usuário (sua persona) para se buscar um produto ou serviço.

O próprio Google fornece dados sobre as palavras-chave mais pesquisadas para que você possa construir seu conteúdo de maneira otimizada.

Mas esse passo não se resume apenas a jogar palavras-chave dentro de um texto. Tudo deve fazer sentido e a repetição exagerada de palavras-chave pode, inclusive, prejudicar seu posicionamento no ranking do Google. Isso porque a Inteligência Artificial do Google pode entender que você está “trapaceando” (em termos técnicos, utilizando técnicas Black Hat) para chamar a atenção e acabar excluindo seu site dos resultados de pesquisa como uma maneira de punir quem abusa da técnica e não prioriza uma construção textual focada na experiência do usuário.

Por isso, quando o leitor interage e dá mais atenção à página de destino, o Google entende que ali existe conteúdo qualificado e, assim, vale a pena mostrá-lo para mais usuários que utilizam esse mesmo termo para realizar pesquisas. Então, não bastam palavras-chave e um texto qualquer. Tudo precisa fazer sentido e, ainda, ser de interesse dos leitores.

2. Atrair tráfego para o site com as redes sociais

A utilização estratégica das redes sociais pode gerar bastante tráfego para o site da sua empresa. Contudo, saiba que entupir a timeline das pessoas com links para compras e ofertas fundo de funil pode ser prejudicial e passar uma imagem negativa da marca, já que as pessoas estão ali para se divertir e interagir com amigos, não necessariamente para fazer compras.

Por isso, a ideia inicial é utilizar o perfil da empresa para estabelecer um relacionamento mais próximo das pessoas. Mostre seus produtos, mas tenha em mente que essa tática só faz sentido quando o produto se integra ao dia a dia das pessoas.

Não adianta querer ficar empurrando ofertas e exibindo conteúdo apelativo de venda. Simplesmente converse, mostre-se solícito e incentive a participação das pessoas nos seus posts. Se quiser postar algum link para o site, faça-o para que conheçam benefícios, mostre vantagens, as novidades que serão fundamentais para melhorar a vida das pessoas.

3. Crie identificação com seus seguidores

Uma boa maneira de aproximar a marca dos seus seguidores é criar mais do que um ambiente agradável, é também estabelecer conexão de sentimentos, bem-estar, empatia. Um site ligado às redes sociais com uma comunicação visual convidativa já é um grande passo para voltar os olhos do usuário para você.

Procure conhecer algumas boas práticas de design, mesmo que básicas, para não espantar seus potenciais clientes com um site extremamente carregado de anúncios, cores gritantes que dificultem a leitura e até uma profusão de informações que deixarão os usuários tontos. Saiba tranquilizar e convidar para uma interação com um design inspirador.

4. O que o seu público quer ler ou ver?

Mais uma vez voltamos ao conteúdo. Isso por que é essencial casar o seu produto com as necessidades das pessoas, além de encantá-las com textos e conteúdos que as agradem e gerem interação.

Já falamos sobre as palavras-chave, mas saber onde encontrá-las é de grande ajuda. O Google, por exemplo, possui ferramentas gratuitas para isso, como o planejador de palavras-chave do Google Ads e o Google Trends. Lá, é possível, através das características do seu negócio e público-alvo, encontrar as palavras-chave que as pessoas mais utilizam para buscar conteúdo, produtos ou serviços que elas desejam. Através das ferramentas, é possível diagnosticar também as palavras mais e menos buscadas, o que ajuda bastante a fazer uma lista que exclua ou reduza esses termos que provocam rejeição e podem impactar negativamente o seu posicionamento ranking dos mecanismos de busca.

5. E-mails, e-books e whitepapers

Para estabelecer um contato mais próximo do seu público, é interessante lançar mão de estratégias que visam a coleta de dados de contato das pessoas. A criação de e-books e whitepapers com material rico para levar dicas, informações úteis, passo a passo e etc., servem de moeda de troca para pedir o e-mail do usuário, por exemplo. Quando você oferece um material com informação relevante para as pessoas, elas poderão passar seu e-mail ou outro dado de contato em troca desse material.

De posse desse contato, é a hora de nutrir o interesse das pessoas pelo seu produto com e-mails interessantes para ler e direcionar para seu site. Mas essa dica também vale para boas regras de convivência: não encha a caixa de e-mail das pessoas com excesso de material. Além de ser chato e provocar a ira nos usuários, elas podem acabar denunciando seus e-mails como spam, o que pode comprometer a performance das campanhas e possíveis punições dos provedores, impedindo o envio das mensagens.

6. Os títulos que chamam a atenção

Os especialistas costumam dizer que uma boa comida já dá apetite só de olhar. Por isso, o título é importante para chamar a atenção dentre montes e montes de informações que pairam na web e nas redes sociais.

Um título irresistível é o primeiro passo para gerar tráfego para o site da empresa e atrair o leitor para o seu texto. Afinal, se o impacto não causar esse desvio de olhar para o que você produziu de nada terá adiantado ter feito um ótimo texto. Ele não passará de um conteúdo perfeito que ninguém leu.

A sua atenção deve ser total na produção textual, mas o título precisa também ser coerente e chamar a atenção. Capriche na escolha das palavras-chave e faça uma conexão delas com o conteúdo do texto.

Essas foram algumas dicas que separamos para você iniciar com sucesso a aventura de criar conteúdos interessantes para gerar tráfego para o site da sua empresa. Continue nos acompanhando e tenha mais sucesso nas suas estratégias de marketing digital.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *